Porque censuram o Saci Urbano?

Sintomaticamente apagam-se diversos graffiti com marcações de aparições do Saci Urbano pela Grande São Paulo e capital. Seja para a manutenção da palidez das cidades e/ou pior: para censurar os comentários visuais que a obra imprime nos muros.

A obra já foi apagada diversas vezes por causa de representação gráfica do cachimbo do saci, por causa da representação gráfica de figura monopé; por causa da cor (preto fosco) e até por fanatismo religioso ou ignorância cultural de pessoas reacionárias.

 

 

No entanto, a obra jamais havia sido apagada por questões políticas.

 

Ficou claro que um trabalho coberto com tinta dessa maneira é para calar o comentário visual da obra, seja para censurar o seu conteúdo, até então implícito na poesia da imagem. E o que é mais grave: é um atentado contra a liberdade de expressão.

 

 

 

 

– Eu prometo!

Independentemente das brincadeiras desse saci – que são muito sérias, por final – deixemos impresso aqui: seja qual for o candidato eleito nas eleições municipais de 2012, o mais importante é que todas as pessoas, cidadãs ou não, tenham os seus direitos fundamentais assegurados e efetivos. Pois penso, sinceramente, que isso deveria ser prioridade para qualquer gestão de governo, e que assuntos como estes deveriam ser proibidos na comunicação das campanhas eleitorais.

sc_prmt_05

Quando eu for eleito um cidadão, prometo que…

– pedirei que o candidato da democracia me apresente o seu projeto de governo antes de me pedir o voto de confiança;

– analisarei com muita cautela todas as suas propostas e verei até onde elas são plausíveis com o tempo de trabalho determinado para o cargo público;

imagem

Antes de qualquer decisão que eu venha tomar como cidadão, pensarei sete vezes nesse coletivo de pessoas associadas; claro que uns interagem com os outros, pois penso que todos esses cidadãos vivem numa só “aldeia” (a cidade), partilhando das mesmas avenidas, praças, escadas, águas e fios de energia.

Quando eu for eleito um cidadão, prometo que…

– Irei cobrar a realização das propostas escritas naquele projeto em que confiamos no período de “eleição”.

– Se esse candidato eleito não cumprir com as suas metas e faltar com respeito a todos nós, eu prometo que serei o primeiro de nós a solicitar a sua demissão.

sc_prmt_08

Mas isso só será real quando eu, o Saci Urbano, for eleito um cidadão, porque, por enquanto eu sou apenas esse ser “fantástico” que vive no imaginário das pessoas que tiveram uma infância sem mentiras – apenas com a verdade dos mitos de seus ancestrais.

HORA-AÇÃO (ORAÇÃO) DE TODOS OS SACIS | Time-action (prayer) of all sacis | Tiempo de acción (la oración) de todos los sacis

Imagem

“Pai Nosso” que estais nos nortes

“Our Father” who art in the North

“Padre Nuestro” que estás en el Norte

Imagem

Amaldiçoado seja o vosso império

Cursed be thy empire

Maldito sea tu imperio

Imagem

Sobre nós, o vosso reino

About we thy kingdom

Arriba de nosotros, tu reino

Imagem

Sempre impondo a vossa vontade

Ever imposing thy will

Siempre impone su voluntad

Imagem

Aqui na América Latina como na Arábia Saudita

Here in Latin America as in Saudi Arabia

En la América Latina como en Arabia

Imagem

O pão vosso de cada dia nós não queremos mais

Keep this day your daily bread

Tu pan de cada día ya no lo queremos

Imagem

Não perdoamos o quanto nos tem ofendido

We do not forgive your trespasses

No perdonamos tus mentiras

Imagem

 E não cairemos em tentação

 And thou will not lead us into temptation

 Y no vamos a caer en la tentación

Imagem

Mas livrai-nos desse mal.

But deliver us from this evil.

Y líbranos de este mal.

amém

Soltem os sacis!

Em Botucatu…

O sotaque é de interior paulista, sô.

E lá fizeram festa do saci.

Dizem que existem criadouros de sacis na terra dos “bons ares” *.

Se antes  seus criadores os prendiam na garrafa,

Agora não mais.

Pois o Saciu exige a liberdade para todos os seres.

Porque é um pecado contra a natureza querer amansar um saci.

 

à frente, escultura de Pedro Cesar

As “pessoas avançadas” de lá

São como as “pessoas atrasadas” da capital

Que também não acreditam em  sacis.

Dizem que isso é pra quem não tem o que fazer – tipo: conversa pra boi dormir.

Mesmo assim…

Aquela pequena cidade (quase que rural)

Comemorou no ano de dois mil e onze

O décimo-primeiro FESTIVAL NACIONAL DO SACI.

 

Que seja para resgatar a cultura caipira, sô.

E por em prática o que ainda lhe resta de sertanejo – sem códigos de barra.

Pois, nesses lugares onde a terra está cheia de donos,

Ainda há de se escutar numa conversa de caboclos…

A letra (R) completar uma “vorta” inteira,

Sem ter que derrapar na da frente

E nem se arranhar na de trás.

.|.

botucatu é uma expressão da língua tupi-guarani que, em português, significa “bons ares”.*