Epitáfios

 
 

Um minuto de silêncio, por favor!

Pela morte da cidade.

A cidade agora é só jazigos espalhados,

Escondidos sob o véu do indivíduo

 Com epitáfios para as suas substâncias,

Embora falecidas.

Porque em meio ao caos

A cidade é cotidianamente sepultada. 

 

 
Marca/aparição censurada pelo poder público

Aqui Jaz

A consciência,

A paciência,

A dignidade,

O respeito,

O bom senso,

O direito,

O moral,

A morada,

O solidário,

A infância,

A criança,

O lúdico,

A tolerância,

O humano,

O natural,

A paz,

O amor,

A família,

O ar puro,

A tradição,

A amizade,

A liberdade.

Quem sabia sobre O Dia do Saci, levanta a mão!

Primeiro quero pedir desculpas pela minha falta de atenção, porque eu simplesmente pensava que a grande maioria da população brasileira e principalmente da grande São Paulo, soubesse que o dia 31de outubro havia se constituído “O Dia do Saci e seus Amigos” de acordo com a Lei nº. 11.669, que está em vigor no Estado de São Paulo, desde 2004.

O interessante é que a data do Dia do Saci bate com a mesma do Dia das Bruxas, ou Ralouin, da cultura estrangeira, que por sinal, é muito festejada aqui no Brasil. Por isso que o texto da postagem anterior, assim como na intervenção do Saci Urbano em graffiti (vide foto), ganhou o título de “Saci Urbano VS Ralouin”. E por isso que talvez para muitos eu tenha sido apocalíptico demais, no texto.

Tenho que admitir: talvez eu tenha sido muito egoísta pensar que só porque eu e muitas das pessoas com quem convivo, tínhamos o conhecimento dessa data, todos já deveriam tê-la também. Mas assim que observei e percebi que as escolas municipais e principalmente as estaduais, fomentavam a festa do Ralouin, tomei partido para chegar com proposta de realizar a Festa do Saci nas escolas, e para a minha surpresa e espanto, pude vir que o corpo docente das escolas não tinha se quer o conhecimento dessa data e muito menos dessa lei.

Por isso faço valer o texto da postagem anterior, uma vez publicado neste blog. Se não fosse o poder da mídia e os interesses capitalistas das grandes marcas, que não estão nem um pouco preocupados com a educação do país, veja lá, preocupados com o folclore popular. Já que a festa do Ralouin é um produto que vende e que dar certo em outros países, uma vez desenvolvidos, porque não daria nos países de cá, da América do Sul?

Então faço aqui a divulgação para o conhecimento de todos aqueles que acessarem esse blog, que o Dia 31 de Outubro é o Dia do Saci e seus Amigos. E o pessoal da SOSACI está fazendo estripulias na câmara dos deputados para instituir o Dia do Saci em Lei Federal. Portanto. Fica aqui uma dica: façam festas com esse tema, olhe para dentro, valorize as coisas que faz você ser um brasileiro. O Ralouin não é nosso. É do povo que vem de fora.